*Não fosse o amanhã, que dia agitado seria o hoje!

sexta-feira, 30 de outubro de 2015

Sobre os festins pantagruélicos

É uma vontade de não querer ter pensamento, um desejo de nunca ter sido nada, um desespero consciente de todas as células do corpo e da alma. É o sentimento súbito de se estar enclausurado na cela infinita. Para onde pensar em fugir, se só a cela é tudo?Fernando Pessoa

“Inferno de Dante “
Mosaico do Batistério de Florença
No Portal: Deputados aprovaram em uma comissão especial na Câmara, nesta terça-feira (27/10), a flexibilização do Estatuto de Desarmamento. O relatório aprovado por 19 votos favoráveis e oito contrários, diminui de 25 para 21 anos a idade mínima para que um cidadão possa comprar armas. Pela proposta aprovada, deputados e senadores poderão andar armados e pessoas que respondem a inquérito policial ou processo criminal poderão ter posse e porte de arma de fogo. CONFIRA
No Inferno - Não jogarás golfe. Não manterás relações sexuais impróprias. Não participarás de festins pantagruélicos. Esses são alguns dos mandamentos adotados pelo Comitê Central do Partido Comunista da China numa atualização do código de ética a ser seguido por seus 88 milhões de membros, a elite que governa um país de 1,3 bilhão de pessoas. O novo código – muito mais rigoroso que o anterior – pretende atualizar as normas de comportamento dos militantes para adequá-las à campanha contra a corrupção que o presidente Xi Jinping executa desde que ascendeu ao cargo, quase três anos atrás... Assim, as normas de conduta sexual para os membros do Partido, que já eram proibidos de “manter amantes e cometer adultério”, se tornaram ainda mais rigorosas. CONFIRA
Na Zona de Transição: Chimbinha divulgou, nesta quarta-feira 28, que seguirá com um projeto paralelo a Banda Calypso. Ao lado da cantora de sertanejo Thábata Mendes, o músico fará shows com um novo grupo, que será apresentado no início de novembro, segundo informou a assessoria de imprensa do artista. A empresa de nome fantasia Banda Calypso ainda está em disputa judicial, por isso, nem ele, nem Joelma podem usar o nome. CONFIRA
No Purgatório: A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) da Câmara dos Deputados aprovou o projeto de lei que modifica a Lei de Atendimento às Vítimas de Violência Sexual. O projeto, de autoria de Eduardo Cunha (PMDB-RJ), dificulta o acesso de vítimas de estupro a medicamentos como a pílula do dia seguinte e torna crime o anúncio de meios ou métodos considerados abortivos. Pelo texto do relator, Evandro Gussi (PV-SP)... o atendimento às vítimas de estupro pode incluir “procedimento ou medicação, não abortivos, com eficiência precoce para prevenir gravidez resultante de estupro”, desde que a agressão seja confirmada em exame de corpo delito e comunicada à autoridade policial. O relatório ainda prevê que nenhum profissional de saúde ou instituição poderá ser obrigado a administrar procedimento ou medicamento que considere abortivo. Leia na íntegra
No Paraiso: Presidente do Conselho Nacional de Pastores do Brasil, Silas Malafaia afirma que as igrejas filiadas à organização sofreram redução de até 20% na arrecadação do dízimo, fruto da crise econômica. Mas a “Vitória em Cristo”, de Malafaia, parece imune. Está levantando dez templos simultaneamente, segundo ele, com o dinheiro do dízimo. CONFIRA

Está pronto, mas ainda não tem data para publicação [Aleluia!], o livro de memórias do ex-presidente José Sarney. A obra tem quase 900 páginas e poderá ser editada em um ou dois volumes. Ela deve chegar às livrarias no ano que vem. O título já foi escolhido: "Boa Noite, Presidente!"... O título de seu livro de memórias é uma das passagens dessa história. Ela foi dita pelo general Leônidas Gonçalves (futuro ministro do Exército) às vésperas de sua posse. Na noite de 20 de abril de 1985, na presença do presidente do Senado, José Fraghelli, Leônidas lhe disse que tinha de assumir por que com tantos problemas ele não poderia colocar mais um. Na saída, Leônidas disse a Sarney: “Boa noite, presidente” CONFIRA. è 900 folhas... se você usar uma por dia poderá ficar quase três anos sem precisar comprar papel higiênico... personalizado! Agora, cá pra nós, esse “Boa noite, presidente”, do Leônidas pro Sarney, não lembra o icônico "Happy Birthday, Mr. President", de Marilyn Monroe, no aniversário dos 45 anos do presidente John Kennedy, em 19 de maio de 1962? No evento Marilyn usava um vestido transparente ao qual ela se referiu como "pele e pérolas”. Será que o general... Esquece, eu “ainda” tenho uma “liberdade” a zelar.

Um papo fora da curva - “Nós tivemos um problema político sério, que nós ganhamos as eleições, sabe, com um discurso e, depois das eleições, sabe, nós tivemos que mudar o nosso discurso e fazer aquilo que nós dizíamos que não íamos fazer. Esse é um fato conhecido de 204 milhões de habitantes e conhecido pela nossa querida presidente Dilma Rousseff... Eu só queria que vocês não ficassem preocupados com esses problemas. Porque eu digo sempre: ninguém precisa ficar com pena. Porque se tem uma coisa que aprendi na vida é enfrentar a adversidade. Pode ter certeza disso. Se o objetivo é truncar qualquer perspectiva de futuro, sabe, então vão ser três anos de muita pancadaria, três anos. E pode ficar certo, eu vou sobreviver", declarou ainda Lula nesta quinta 29 - CONFIRA
Nota de rodapé: Cresce consenso na Câmara por uma solução externa para Cunha - CONFIRA è A meu ver, a única “solução externa”, que resolveria o problema em definitivo, seria contratar um sicário, que em português rudimentar significa contratar “um matador de aluguel”. Aliás, aproveitando o “investimento”, poderiam fazer um pacote que resolvesse, de vez, uma série de “pendências”. Com certeza a Sociedade, pública e cinicamente, repudiaria o “combo”, porém em seu “foro íntimo”, iria com certeza aplaudir, comemorar e dormir em paz. Mas que fique claro: recorrerei às últimas instâncias judicias negando que escrevi isto e ponto final. Kakai é meu senhor e nada me faltará!

Dinheiro próprio? - A Câmara dos Deputados decidiu nesta quarta-feira (28) iniciar, com dinheiro próprio, obras de ampliação da Casa que visam criar novas vagas de garagem e gabinetes de parlamentares. De acordo com o 1º secretário, deputado Beto Mansur (PRB-SP), deverão ser utilizados R$ 400 milhões que a Câmara guarda de reservas nos cofres do Tesouro Nacional. Ele explicou que a prioridade será ampliar o Anexo 4, para construir andares de garagem subterrânea, um auditório e novas salas para os deputados trabalharem. Essa obra integra um conjunto de reformas e construção de prédios que receberam o apelido de “Parlashopping”, por prever a abertura de lojas e restaurantes no local. Indigne-se na íntegra - è Eles alegam que o tal “dinheiro próprio” vem da “venda da folha de pagamento”. Tá! Mas qual a fonte primária do dinheiro desta folha? E-mail para Abu Bakr al-Baghdadi, autoproclamado califa do Estado Islâmico, com cópia para José Luiz Datena na BAND.
Proposta indecente - É sintomático que alguém tenha proposto uma mudança no projeto de repatriação de recursos anistiando doleiros, sonegadores e o caixa dois. Ela foi formatada como um terno sob medida para os investigados pela operação Lava-Jato e cabe direitinho em todos que têm dinheiro na Suíça e não sabem dizer a origem dos recursos, ou sequer admitem a existência das contas. Como disse o deputado Miro Teixeira, a proposta é inconstitucional. E imoral. Se aprovada, a anistia pode ser questionada no STF. As críticas foram tão fortes que a Câmara adiou a votação para terça-feira. Mas todo o cuidado é pouco. Quem fez a proposta não entendeu o momento que o país está vivendo, de repúdio à corrupção, de fortalecimento das instituições que combatem o crime de lavagem de dinheiro e corrupção... Por Miriam Leitão/O GloboRepudie na íntegra
No mais: 96 kg de filé mignon Friboi, 50 kg de filé de salmão e 96 kg de carne de sol. Isso e mais 600 kg de arroz e 32 kg de feijão carioca são alguns dos ingredientes que o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG]) vai adquirir com dinheiro público para o “lanche” dos juízes e desembargadores da Corte no próximo ano. Os números dos alimentos “de primeira” constam do edital do TJMG publicado nesta segunda-feira, 26, que prevê a contratação, por 12 meses, de seis lotes de alimentos, incluindo bolos, frutas, pães de queijo e refrigerantes, para “a confecção de lanches para os desembargadores, juízes, tribunais do júri e eventos institucionais”, segundo a licitação 121/2015 do TJMG. O edital ainda prevê as marcas dos alimentos, sendo que o filé mignon e a carne seca devem ser Friboi e o filé de salmão, sem espinhas e escamas, deve ser da marca Atlântico. A estimativa é de que os gastos com os “lanches” fiquem em torno de R$ 1,7 milhão. Babe na íntegra

Uma boa notícia - Clarissa Garotinho bateu o martelo. Desistiu da candidatura à Prefeitura do Rio em 2016. No primeiro semestre do ano que vem, vai se dividir entre a Câmara e o nascimento de seu primeiro filho. Ancelmo  Gois/O Globo è E parabéns... ao povo do Rio de Janeiro. 
...e fica só nisso não: “A bancada de quatro deputados do PSOL e mais dois parlamentares, um do PSB e outro da Rede, protocolaram ontem na Assembleia do Rio pedido para que Eduardo Cunha devolva a Medalha Tiradentes entregue a ele em março deste ano. (A Medalha Tiradentes é a maior honraria do Estado)...” Ancelmo Gois/O Globo – è São políticos desta estirpe - que apesar de seus parcos recursos, se sacrificam na defesa de causas de tamanha nobreza - que ainda mantêm minha esperança num Brasil melhor.

quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Novelas da vida real

Esse cidadão é um debochado, agora passou a debochar das instituições. Ele é um psicopata. Não se confia numa pessoa sem caráter como ele. Ele joga dos dois lados. Quando ele diz que o maior escândalo de corrupção foi feito agora no governo do PT, é verdade, mas ele é um dos artífices disso, foi um dos que mais roubaram". Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE), sobre Eduardo Cunha, em entrevista à Folha de São Paulo

Barracos - A harmonia que transparece nos encontros públicos e amplamente registrada ao longo das duas campanhas eleitorais não é mais a mesma entre a presidente Dilma Rousseff e seu padrinho político, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Os dois têm divergido claramente sobre a condução da economia e sobre a atuação dos órgãos de investigação do governo . Discussões ásperas já aconteceram tanto em reuniões no Palácio da Alvorada como também recentemente num telefonema.
l Para o ex-presidente Lula, o maior problema do Brasil é o desempenho da economia. Ele entende que o país chegou a esta situação por pura teimosia da presidente Dilma... Para a presidente, a raiz dos problemas do governo está nos casos de corrupção agora descobertos pela Operação Lava Jato. É por isso que ela insiste em dizer que não há nada contra ela nem contra o governo dela... CONFIRA
Aliás: O jornal britânico "Financial Times" comparou a relação entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a presidente Dilma Rousseff a uma trama de novela brasileira, onde, nas palavras do periódico, "amigos e parentes frequentemente se apunhalam pelas costas". Para ilustrar o afastamento, o jornal cita a recente desavença entre Dilma e seu mentor político, que se deu quando Lula defendeu a saída do ministro da Fazenda, Joaquim Levy, e Dilma o defendeu. CONFIRA

O filho do pai - Na véspera de completar 70 anos, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não escondeu a mágoa com Dilma Rousseff e responsabilizou a sucessora pela operação de busca e apreensão feita pela Polícia Federal na empresa LFT Marketing Esportivo, pertencente a Luís Cláudio, seu filho mais novo. Em conversa com pelo menos três amigos, nesta segunda-feira (26/10) em momentos distintos, Lula se queixou de Dilma e disse que a situação "passou dos limites". Para o ex-presidente, Dilma só ouve o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo - que, na sua avaliação, quer apenas "aparecer" -, e não entende que, em nome do combate à corrupção, pode destruir o projeto político do PT. CONFIRA
A mãe do filho - Neymar sofreu mais um revés em sua transferência do Santos para o Barcelona. Sua mãe, Nadine Gonçalves da Silva Santos, foi arrolada no processo judicial movido na Espanha pela empresa DIS por fraude contra Santos, Barcelona e a própria família do jogador, como divulgou nesta terça-feira o jornal espanhol Marca. A DIS entende que a mãe do jogador deve também responder no processo porque ela tem parte da empresa de Neymar. "É imputada (a Nadine) participação nos atos, visto que tem participação de 50% na sociedade da N&N (empresa de Neymar), constituída pouco antes dos acordos pelos quais recebeu 10 milhões de euros", avaliou o juiz titular do Tribunal de Instrução nº 5 da Audiência Nacional da Espanha. CONFIRA
O filho da p - ops! - O filho da mãe - Jeferson Monteiro, criador do perfil nas redes sociais "Dilma Bolada", será ouvido pela CPI dos Crimes Cibernéticos na manhã da próxima quinta-feira. Monteiro, que já confirmou presença, foi convidado a comparecer por um requerimento do deputado Alexandre Leite (DEM-SP). Como justificativa, ele cita reportagens publicadas pela revista ÉPOCA que revelaram os valores recebidos por Monteiro pela Pepper, agência que, segundo o deputado, faz a "guerrilha virtual para o Partido dos Trabalhadores" - "Escondidos por trás de perfis anônimos ou “fakes”, os guerrilheiros virtuais também espalham ódio e promovem perseguições a quem faça qualquer tipo de contraditório. É evidente, portanto, que tal postura autoritarista afronta os princípios do Estado democrático de direito", argumenta Leite no requerimento. CONFIRA
A madrinha decrépita - Apesar de uma recomendação contrária do Ministério Público Federal em 18 de junho de 2015, a presidente Dilma Rousseff nomeou, na semana passada, Rebecca Garcia para o cargo de superintendente da Zona Franca de Manaus (Suframa). Em comunicado, o MPF afirmou que Rebecca era sócia de empresas que receberam incentivos fiscais da Zona Franca, o que representaria, diz a nota, conflito de interesses previsto na Lei 12.813/13. - CONFIRA 
O avô ranzinza - "A situação econômica [do país] é desesperadora. Ela [Dilma] não tem que ir lá nos Estados Unidos e dizer que o Brasil está mal porque a democracia é adolescente. Vai mal porque está sem rumo... Tinha que ter uma renúncia com grandeza. A presidente Dilma não pode desconhecer o que nós conhecemos, que a economia está em uma situação desesperadora, que há uma crise política. Ela tinha que dizer: 'eu saio, eu renuncio, mas eu quero que o Congresso aprove isso, isso e isso'", afirmou Fernando Henrique Cardoso, à emissora norte-americana CNN neste domingo (25). Leia na íntegra
Os tios - A área técnica da Câmara dos Deputados vai apresentar um parecer favorável ao seguimento do principal pedido de impeachment contra Dilma Rousseff. A recomendação será entregue ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha. A informação foi divulgada pelo portal da Folha de São Paulo ontem à noite e diz respeito à denuncia assinada pelos advogados Hélio Bicudo,  Miguel Reale Júnior (ex-ministro da Justiça de Fernando Henrique Cardoso) e Janaína Paschoal. CONFIRA

Chico Caruso/O Globo

A equipe econômica negocia com relator do projeto que altera a meta fiscal de 2015, deputado Hugo Leal (PROS-RJ), a inclusão na proposta de uma cláusula que permita acomodar, futuramente, o pagamento das pedaladas fiscais... O governo vai encaminhar ao Congresso nos próximos dias uma nova alteração do resultado primário deste ano sem contabilizar cerca de R$ 40 bilhões referentes às pedaladas que foram condenadas pelo TCU. Segundo um técnico da equipe econômica, o governo já sabe que terá liquidar as pedaladas em algum momento (à vista ou em três ou quatro parcelas) e que não será possível alterar a meta novamente.
Assim, é preciso que haja algum mecanismo de flexibilidade para incorporar esse passivo nas contas. Independentemente de qual seja decisão do tribunal, o governo vai ter que pagar e não tem mais como alterar a meta de 2015... A ideia é incluir alguma regra no projeto que permita uma flexibilização, ainda que não seja explícita.”, disse o técnico - CONFIRAè Ou seja: “cláusula que permita acomodar, futuramente...” + “regra que permita flexibilização que não seja explicita” = “fórmula para iludir, implicitamente, os otários”. Quem são os otários? Tolinho... faz uma selfie. 

segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Delírio tropical

Estamos vivendo um momento excepcional, em que o cidadão é preso e tem a promessa de ser solto se ele delatar alguém. Aí, ele passa a delatar até a mãe, para poder sair da cadeia. O dado concreto é que nós estamos vivendo quase um estado de exceção.Lula em discurso na sexta-feira à noite, em Salvador

Mulçumano da peste - Ex-presidente demonstrou irritação ao ser questionado por jornalistas sobre as denúncias envolvendo o empresário e amigo José Carlos Bumlai;  "Hoje é sábado, eu sou muçulmano e sábado eu não falo de política", disse Lula, confundindo-se com os judeus, que guardam o período do shabat, que vai do por do sol da sexta-feira até o início da noite de sábado; ex-presidente também afirmou estar "irritado" com a citação de seus familiares na Operação Lava Jato e que  agora tem que defender eles também, além do próprio PT. CONFIRA - è E esta notícia foi publicada no site “brasil247” que “funciona como um aparato do PT contra adversários...”. Mas o melhor desta notícia foi o comentário de Gabriel Henrique, um dos leitores do site: “Lulla se você fosse mulçumano, teria perdido a mão inteira e não apenas um dedo”.
No mais: Neste domingo (25), o macarrão tem pela primeira vez o seu dia oficial, o Dia Nacional do Macarrão. A data foi instituída em dezembro de 2014 pelo Governo Federal – Confere lá è A gente até entende, pois a pizza tava dando de lavada, né não?

Pegou fogo a reunião de ontem do conselho de administração da Petrobras. O encontro entra, com certeza, para a história da estatal pelo nível do confronto entre conselheiros e o presidente da empresa, Aldemir Bendine. Várias propostas de Bendine foram rejeitadas. Uma delas, cara a ele: a reforma estatutária que faria com que 40 gerentes executivos passassem a ter status de diretores. Também foi rejeitada a proposta da diretoria de patrocínios diversos, entre eles o da Fórmula 1, no valor de 75 milhões de reais.

MNo meio disso tudo, Bendine deixou a sala de reunião, bateu a porta  e foi embora. Antes de sair, disse que aquilo tudo era uma "hipocrisia, uma palhaçada", de acordo com o relato de dois conselheiros. Lauro Jardim/O Globo

Enterro VIP - O conceito do "VIP" chegou aos enterros. Duas limousines funerárias equipadas com bancos de couro, teto solar, luz neon, bandeja automática para o caixão e laterais internas acolchoadas passaram a fazer parte da frota da concessionária que administra seis cemitérios da cidade, como o São João Batista.

A família de Yoná Magalhães, morta na terça passada, foi a primeira a usar o serviço. Aos poucos, os carros "VIP" vão substituindo os antigos rabecões, onde só cabia o motorista e o caixão — e nada mais. A ideia da Rio Pax é que o parente vá para o enterro "junto ao ente querido". è Cá pra nós, para muitas famílias é a chance de matar dois coelhos num enterro só, pois com um pouco de sorte podem enterrar o morto e também o “parente”, principalmente se o morto deixou um rico testamento. Cleo Guimarães/O Globo

De saco cheio - Dilma nem bem fez uma reforma ministerial e já se prepara para novas mexidas. O que se diz é que José Eduardo Cardozo (Justiça), Valdir Simão (CGU) e Luís Inácio Adams (AGU) procuram vida fora do governo. Ancelmo Gois/O Globo
Aliás: “A antipatia de Lula por José Eduardo Cardozo é antiga e antecede os governos do PT e muito antes das tentativas recentes de Lula tirar Cardozo do cargo. Começou em 1997, quando Cardozo integrou a comissão interna do PT que investigou o caso da Consultoria para Empresas e Municípios (Cepem), com sede em São Bernardo do Campo, o primeiro escândalo de corrupção do PT.

A Cepem teria sido contratada sem concorrência por prefeitos petistas, com o objetivo de se desviar verbas públicas para os cofres do partido. Em seu relatório, feito em conjunto com o Hélio Bicudo e Paul Singer, Cardozo recomendou que o advogado Roberto Teixeira, dono da Cepem e padrinho de um dos filhos de Lula, fosse submetido a uma comissão de ética. Lula nunca perdoou. A propósito, Roberto Teixeira tem participado de reuniões para combinar como tirar Cardozo do Ministério da Justiça.” CONFIRAè Tão chegando lá.

Quem já leu Raimundo Faoro, Roberto DaMatta e a carta de Pero Vaz de Caminha sabe que a política no Brasil – talvez em qualquer parte do mundo – é feita de troca de favores. Abaixo da linha do Equador o quadro é muito evidente! E por demais assustador. A troca é explícita: eu lhe dou e você me deve, e assim a banda toca. Fica o dito pelo não dito e pronto. 
Eu lhe dou em troca do voto a licença para ter uma autonomia de táxi, por exemplo. Ou se votar na minha emenda sobre determinada lei eu voto na sua. Assim vai indo desde que Pero Vaz de Caminha, ao escrever para o rei de Portugal anunciando a descoberta da nova terra, termina sua carta com um pedido antes do beija-mão: “E pois que, Senhor, é certo que tanto neste cargo que levo como em outra qualquer coisa que de Vosso serviço for, Vossa Alteza há de ser de mim muito bem servida, a Ela peço que, por me fazer singular mercê, mande vir da ilha de São Tomé a Jorge de Osório, meu genro – o que d'Ela receberei em muita mercê.”... Por Yvonne Maggie/O Globo - CONFIRA


Pra começar bem a semana

Claudio Paiva/O Globo
Clique na foto para ampliar
Delírio tropical - Dilma lembrou-me, esta semana, de uma piada que li na velha revista "Esquire" Alguém dizia para Nikita Kruschev na ONU: seu alfaiate deveria ser mandado para a Sibéria. No caso de Dilma não é quem faz a roupa, mas a agenda, que deveria passar um tempo na Sibéria. No auge da crise econômica, condenada por um rombo no orçamento que pode ser de R$ 50 bilhões, desemprego em alta, lojas fechando, carros oficiais sem gasolina, ela decide ir à Suécia reafirmar uma compra milionária de caças. Por Fernando Gabeira/O Globo - Leia na íntegra

sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Será que sempre foi assim... ?

Precisamos de mais homens e mulheres desobedientesJudy Chicago, artista feminista norte americana em entrevista ao “El País” 

Dissimulado em conjunto: O Senado aprovou nesta quarta-feira moção de repúdio ao governo da Venezuela e de solidariedade ao ex-presidente do STF e ex-ministro da Defesa Nelson Jobim, que teve seu nome vetado pela Unasul para chefiar a delegação de observadores das eleições parlamentares da Venezuela, marcadas para o próximo dia 6 de dezembro. A Unasul, por iniciativa venezuelana, sugeriu trocar, Jobim por Jorge Taiana, que é ex-chanceler argentino.
l O presidente do Senado, Renan Calheiros, fez discurso manifestando apoio a Jobim: “Quero aproveitar a oportunidade para, em nome dos senadores, apresentar os nossos cumprimentos ao ex-ministro Nelson Jobim, a nossa solidariedade e repudiar, do ponto de vista do Senado Federal, esses obstáculos que a Venezuela coloca, com relação ao acompanhamento de um dos grandes brasileiros, meramente no acompanhamento de eleições na Venezuela...” - disse Renan... A moção de repúdio foi aprovada de forma simbólica.  CONFIRA
Dissimulado no particular: Renan Calheiros, disse nesta quarta-feira (21), que os cortes no Orçamento de 2016 não podem prejudicar os mais pobres. O peemedebista tocou no assunto após ser questionado por jornalistas sobre o corte de R$ 10 bilhões dos R$ 28,8 bilhões do Bolsa Família... CONFIRA

Afinidade - Os aliados de Eduardo Cunha usam o mesmo argumento do PT na Operação Lava-Jato. Que a investigação da Procuradoria Geral da República é dirigida e seletiva. O líder do PTB, Jovair Arantes, resume o espírito da maioria: “Hoje é ele, amanhã é qualquer um de nós”. Ilimar Franco/O Globo è Comentário que rola “na hora do café” aqui no Q&M: “Será que sempre foi assim ou só agora é que vamos tomando conhecimento de que o País é administrado por uma grande quadrilha?  Você já assistiu “NARCOS”, na Netflix? Vale a pena. Tem muito a ver”.

Após usar a empresa Jesus.com para comprar carros de luxo, Eduardo Cunha anunciou que abrirá a Iemanja.com para negociar intermediações nas compras de navios-sonda para a Petrobras. “Em tempo, estou também finalizando a papelada para a abertura da Icaro.com, a fim de justificar as caronas nos jatinhos”, explicou o sincrético deputado evangélico.
l Em paralelo, Cunha preparou uma estratégia para justificar o patrimônio: adesivou toda a frota com a frase “Foi Deus que me deu”... “Sou feio, mas tô na moda”, “Eu acredito em Duendes” e “O tamanho da tua inveja é a velocidade do meu sucesso”, explicou. “Afinal de contas, nosso povo merece respeito”.
l No final da tarde, após descobrir a existência de contas de Eduardo Cunha no exterior, a igreja Assembleia de Deus reajustou o dízimo cobrado do deputado. “Estávamos colhendo 10% de um valor irrisório”, justificou o Pastor Malaquias. “Ele pode se esconder da Polícia Federal, mas não pode enganar o onisciente Todo-Poderoso”, concluiu. By the i-piauí herald/revistapiaui/estadão

Não entendi, dá explicar? - Aos domingos o jornal o Globo publica, na coluna “A lista do dia”, as “Quatro coisas...”. Neste ultimo domingo, foram: “Quatro erros para deixar de lado antes dos 40 anos”. São eles:
Vício em smartphone”: Pesquisas recentes do Brigham & Women's Hospital, em Boston, revelaram que a luz azul emitida por tablets, celulares e outros dispositivos perturba o ritmo circadiano do corpo, dificultando o descanso noturno. Tente fazer uma pausa de dez minutos a cada hora que estiver usando aparelhos eletrônicos.
Deixar de usar o fio dental”: O uso do fio dental elimina placas e evita a gengivite, doença que aparece em torno dos 30,40 anos. Sabe aquele sangramento que acontece toda vez que você usa o fio dental? Pode ser um sinal de gengiva doente, o que, aliás, estudos sugerem ser um prenúncio de problemas cardíacos.
Pular refeições”: Passar o dia em jejum faz com que você coma além da conta no fim do dia, principalmente junk food. Com o tempo, as refeições em falta podem mexer com o seu metabolismo, preparando-o para o diabetes tipo 2. Quase dois terços dos adultos com diabetes são diagnosticados entre 40 e 64 anos.
Não priorizar o sono”. Assim como seu celular, seu corpo precisa de tempo para recarregar. Adultos entre 18 e 64 anos devem dormir entre sete e nove horas por noite. E dormir pouco aumenta os riscos de hipertensão, derrames e obesidade. Crie uma rotina antes de dormir, como escurecer a casa e tomar um banho morno.”  è A coisa fluía bem – embora discorde da “precisão” de algumas - até que esbarrei no último item: “Não priorizar o sono”, onde afirma que “Adultos entre 18 e 64 anos devem dormir entre sete e nove horas por noite”. A pergunta é: Depois dos 64 é barata voa? Liga o censurado-se? É tipo: “A partir de agora, se acordares "amanhã", regozije-se!”...? 

Um dia das bruxas pra chamar de seu

Bu! O Lula vai te pegar: Uma festa infantil que aconteceu neste fim de semana, na Hípica [RJ], tinha como tema o Dia das Bruxas e, entre fantasmas, caveiras e outros símbolos do terror infantil, havia bonecos infláveis de Lula presidiário. Os pixulecos decoravam a mesa do bolo, veja na foto acima. O aniversariante estava completando seis anos, faixa etária da grande maioria das crianças convidadas. Cleo Guimarães/O Globo - CONFIRA è Como reza a lenda: De pequenino é que se torce o pepino. 
E por falar em bruxas, a pergunta final é: “A Lava-Jato desvendou vários mistérios. Mas, como diz a canção de Gil, mistério sempre há de pintar por aí. Por exemplo: o que levou mesmo a advogada Beatriz Catta Preta, que negociou as primeiras delações premiadas, a se desligar de tudo e ir morar fora?” Ancelmo Gois/O Globo

quinta-feira, 22 de outubro de 2015

Este blog nunca funcionou da maneira esperada

Ao adiar para 15 de novembro a decisão sobre o impeachment, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, ascende uma vela para o governo e outra para a oposição. Ele ganha tempo. O Planalto recuou dos ataques para que a Câmara volte a votar. A oposição desistiu de lançar nota pelo seu afastamento. Governo e oposição lhe pedem a bênção. O pino da bomba está em suas mãosIlimar Franco/O Globo

Um bom negócio - “Os presos têm celular da mesma forma que qualquer pessoa tem na rua”. A acusação vem de um agente penitenciário de Pernambuco que não quis se identificar em entrevista ao NETV 1ª Edição desta sexta-feira (16). O comentário foi feito depois que Paulo Henrique Serpa, detento do Presídio de Igarassu, na Região Metropolitana do Recife, postou fotos de lagosta e uísque no Facebook... O agente explicou que quando os bloqueadores de sinal funcionavam, o uso de celular diminuiu. “Hoje que eles tiraram os bloqueadores, os presos fazem plano de internet 3G ou 4G e alugam a senha pra que outros possam ter acesso... Com isso, as atualizações da página da rede social são garantidas”, afirmou o agente.
M A Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres), responsável pela administração dos presídios em Pernambuco, alegou que foi feita a compra de bloqueadores de celular, mas que eles foram devolvidos pelo estado porque não funcionavam da maneira esperada. - CONFIRA è Se a coisa aqui fora continuar do jeito que vai, dá vontade se seguir o mote do Ancelmo Gois: “Prende eu!” É um bom negócio, né não? Lagosta, uísque e sabe-se lá mais o que lhes vier à telha e tudo subvencionado por quem? Precisa responder não. Melhor que isso, talvez, só no mesmo no Congresso Nacional, mas aí é assunto pra outra prosa. Agora cá pra nós, quando a gente compra uma geladeira sabe o que esperar dela. Um fogão idem. Um telefone, uma televisão, um carro... a lista é grande, mas o que será que a  Secretaria Executiva de Ressocialização entende por “não funcionavam da maneira esperada”? Cartas José Eduardo Cardozo, Ministério da Justiça, Esplanada dos Ministérios, Brasília/DF.

Estou morto, logo existo - O governador Rodrigo Rollemberg, sancionou uma lei que permite aos infratores do Distrito Federal parcelar as multas de trânsito em até 12 vezes. As facilidades vão além: os débitos podem ser quitados com cartão de crédito e, paga a primeira parcela, o proprietário do veículo já conquista o direito de receber o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV). A decisão está publicada no Diário Oficial desta terça-feira (20/10) - CONFIRA
PITACO Q&M: Essa turma não é bolinho não. Eles vencem pelo cansaço do povo em reagir a seja lá mais o que for, pois são tantas as “maracutais”, tantos os “por baixo dos panos”; “em cima dos muros”; “por entre os lençóis”; “eu não sabia”; “estamos apurando”; “os responsáveis serão punidos”; “por ser um delator-premido, vai ai cumprir pena em casa...” que a gente perde o rumo, o norte, a rota e pior, a noção da moral. Nos anos “60” até o início dos “90”, existiu um grupo de policiais chamados de Scuderie Le Cocq que tinha como mote, "Bandido bom é bandido morto". Hoje, acredito, que para a quadrilha que dirige o Estado, “Cidadão bom é cidadão morto”.

Releituras

Uma nova releitura da História - Ao contrário do que vocês pensam, o governo não está envolvido em escândalo de corrupção. Nem sequer a Petrobras. São “pessoas que estão”, segundo Dilma em visita a Islândia. A estar certa Dilma, portanto, o mensalão, por exemplo, não foi obra do governo, nem do PT. Foi “de pessoas”.
üA lama que ameaçou engolir o governo de Getúlio Vargas nos anos 50 do século passado, de fato não ameaçou o governo, mas pessoas do governo. Getúlio matou-se sem razão.
üOs alemães não aderiram ao nazismo de Hitler. Ledo engano que a História haverá de corrigir. Pessoas aderiram.
üPor fim: a Igreja, ao contrário do que pensa o Papa, nada tem a ver com crimes de pedofilia cometidos por padres. Nem mesmo os padres. Pessoas, sim – Ricardo Noblat/O Globo è Aliás, seguindo esta premissa, fiquei cá com meus 32 neurônios, ativos, a pensaire: Será que a gaja Vana teve família tipo Pai + Mãe ou simplesmente foram “pessoas” que a conceberam? Ó pá, parei por aqui, pois a continuaire vou terminar acreditando que nenhum ser humano – seja homem ou mulher sapiens - tem culpa de nada, só as “pessoas” é que erram.   
Uma nova releitura ginecológica: Por ter nome de homem, mulher não consegue fazer exames ginecológicos. “É um descaso e eu fiquei indignada. Não pude fazer os exames ginecológicos, porque dizem que tenho nome de homem... “Pago o plano de saúde e quando preciso não consigo usar, fiquei 15 horas sem comer e não fiz os meus exames por causa de uma justificativa absurda, tenho a carteirinha, mostrei a identidade, mesmo assim continuaram dizendo que meu nome é masculino”, fala Ivaney Lopes Cardoso, moradora de Montes Claros (MG). A mulher de 46 anos, que tem plano de saúde da Unimed, foi até um laboratório conveniado com um pedido para a realização de procedimentos que mostram os níveis de hormônio, e poderão confirmar também a suspeita de gravidez”. Mas ela não conseguiu fazer nenhum deles. Leia na integraè Com todo respeito que o caso merece, parece que “as pessoas” da Unimed+Conveniados, de Montes Claros, estão afetadas pelo vírus “vana-sapiens”, né não? 

Olha ele aí minha gente: O presidente do STF, Ricardo Lewandowski, afirmou, disse nesta segunda-feira [19], em Washington: “Como vocês lembram, Saddam Hussein disse que ele lutaria a mãe de todas as batalhas na Guerra do Golfo. Eu diria que a reforma política é a mãe de todas as reformas no Brasil. Deveria ser a primeira reforma”.
l Lewansdowski fez uma autocrítica da decisão do STF de 2006 que considerou inconstitucional a cláusula de barreira: “Nós estamos refletindo se cometemos um erro naquele momento... Tenho certeza de que um país democrático não tem mais do que cinco partidos políticos – um no centro, centro-esquerda, esquerda, centro-direita e direita. É o suficiente, mesmo em um sistema parlamentaristaLeia na íntegra
Mas via melhorar: Maria Inês, neta de Brizola, filha do segundo casamento do ex-deputado José Vicente Brizola, vai entrar na política. O PDT vai lançar a moça, que tem 20 e poucos anos, como vereadora do Rio. Ancelmo Gois/O Globo

quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Entre baixarias domésticas e disparidades mundiais

Ao desautorizar o PT, que prega indisfarçadamente a demissão de Joaquim Levy, e ao avisar que o ministro continua à frente do programa de ajuste, a presidente Dilma mostrou que espera ser reconhecida como chefe de governo. Falta saber até que ponto ela consegue, de fato, chefiar seu governoCelso Ming/Estadão

"Eu lamento que seja com um governo brasileiro o maior escândalo de corrupção do mundo" - Eduardo Cunha, nesta segunda (19), em resposta à Dilma, que, durante entrevista neste domingo (18/10) na Suécia, lamentou que "seja com um brasileiro" a denúncia de contas não declaradas na Suíça. CONFIRA

"Eu não vou comentar as palavras do Presidente da Câmara. O meu governo não está envolvido em nenhum escândalo de corrupção. Não é o meu governo que está sendo acusado atualmente" - Dilma, nesta terça-feira (20), rebatendo a declaração do presidente da Câmara, Eduardo Cunha. CONFIRA
E... “Eu não sabia que a Petrobras não era do governo” - Cunha em resposta a Dilma. CONFIRA
Nota de rodapé: O título destas postagens era pra ser “Briga de cachorro grande”, mas creio que nenhum cachorro, nem por brincadeira, merece tal comparação. A coisa tá mais pra “baixaria” mesmo.

2015 será lembrado como o primeiro ano da série histórica no qual a riqueza de 1% da população mundial alcançou a metade do valor total de ativos. Em outras palavras: 1% da população mundial, aqueles que têm um patrimônio avaliado em 760.000 dólares (2,96 milhões de reais), possuem tanto dinheiro líquido e investido quanto o 99% restante da população mundial. Essa enorme disparidade entre privilegiados e o resto da Humanidade, longe de diminuir, continua aumentando desde o início da Grande Recessão, em 2008. A estatística do CreditSuisse, uma das mais confiáveis, deixa somente uma leitura possível: os ricos sairão da crise sendo mais ricos, tanto em termos absolutos como relativos, e os pobres, relativamente mais pobres. CONFIRA
Aliás... A cada ano 1,3 bilhão de toneladas de alimentos são desperdiçados no mundo, que poderiam ser utilizados para alimentar cerca de dois milhões de pessoas. O alerta é da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) que completa 70anos na próxima sexta-feira (16), data na qual também é comemorada o Dia Mundial da Alimentação... O representante da FAO no Brasil, Alan Bojanic, afirma que o desperdício é responsabilidade de todos e precisa ser tratado com prioridade. Segundo ele, na América Latina, quase 30% do desperdício acontece no ambiente doméstico. “Isso ocorre porque as pessoas compram mais do que precisam, deixam alimentos vencer, compram alimentos vencidos e deixam muita comida no prato. Essa mudança de comportamento é essencial para o combate ao desperdício”, destaca Bojanic. Leia na íntegra

Ops! Erro de diagramação
Love is in the air” - O ex-presidente dos Estados Unidos Bill Clinton participará nesta semana, pela primeira vez, da campanha de sua esposa, Hillary Clinton, à Casa Branca, em um dos eventos mais importantes de Iowa, visando angariar votos para as primárias democratas no Estado.
l O ex-presidente comparecerá ao Jantar Jefferson-Jackson do Partido Democrata, assim como a uma reunião da campanha da ex-secretária de Estado dos EUA no centro da maior cidade do estado, Des Moines, antes do evento principal, que também contará com a presença da estrela pop Kate Perry.
l O ato, que é gratuito e aberto ao público, começará à tarde e representa a primeira aparição de Bill Clinton na campanha eleitoral, um importante ativo para sua esposa, já que o ex-presidente ainda conta com uma grande popularidade no país. CONFIRA

A pergunta que não quer calar!

Pendura? Durante visita da presidente Dilma Rousseff à Suécia, concluída nesta segunda-feira, um assunto em particular concentrou o interesse de jornalistas locais: Em meio à crise política e econômica, o Brasil vai honrar o pagamento dos 36 caças Gripen NG?
M Na manhã de segunda-feira, após um encontro com o primeiro-ministro da Suécia, Stefan Löfven, uma jornalista sueca perguntou a Dilma se uma eventual abertura de um processo de impeachment contra ela no Congresso colocaria em risco a compra dos caças... Em seguida, outra repórter, também da imprensa local, questionou a presidente sobre se a turbulência econômica compromete o pagamento das aeronaves.
O valor do pendura: Maior contrato de exportação da história da Suécia, os caças Gripen NG foram adquiridos em outubro do ano passado por cerca de 39 bilhões de coroas suecas (que correspondia a R$ 13 bilhões na época). Outros US$ 245 milhões (R$ 950 milhões, em valores atuais) serão gastos em armamentos para equipar as aeronaves militares. Desde então, a coroa sueca se valorizou frente ao real brasileiro. Como resultado, o valor total da compra aumentou em R$ 5 bilhões, passando para R$ 18 bilhões neste ano. O montante equivale a 70% do total de corte de gastos que o governo espera fazer em 2016 (R$ 26 bilhões). CONFIRA
No mais: “Justiça Federal suspende exigência de habilitação para cinquentinhas”, o que levou Foca Veiga, vagabundo profissional, ideólogo de aluguel e colaborador eventual deste blog, a comemorar: “Me dei bem. Já sou sessentinha”, em seguida tacou fogo na sua carteira de motorista e foi tomar umas.  

terça-feira, 20 de outubro de 2015

Das crises

De um alto executivo do mercado financeiro: A incerteza na política é a certeza na economia. A certeza de que o país continuará parado. A propósito, a questão fiscal do Brasil entrou definitivamente em segundo plano nas prioridades do governo. O país está perdendo um tempo preciosoLauro Jardim/O Globo

crises & Crises

Alerta vermelho - O TCU pode determinar, na semana que vem, que o governo federal quite imediatamente todas as pedaladas fiscais, dívidas do Tesouro Nacional com bancos públicos que totalizam R$ 40 bilhões. O ministro Vital do Rêgo sinalizou que pode pautar o assunto na votação do tribunal do dia 28 de outubro. Painel/Folha
Com a crise na economia, aumentou a preocupação de editoras que têm dinheiro a receber da B2W, empresa que administra os sites Americanas.com e Submarino. A companhia acumula desde o início do ano dívidas com firmas do mercado editorial, referentes à venda de livros. A B2W, que tem como sócios Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Beto Sicupira, não comenta o assunto. Os três empresários também são donos da AB Inbev e encabeçam a lista de homens mais ricos do Brasil. Mônica Bergamo/Folha
Crise em família - A renovação de Neymar com o Barcelona promete ser bem complicada. Por mais que o atacante da seleção brasileira já tenha declarado diversas vezes que pretende ficar no clube catalão, o pai e empresário dele, Neymar da Silva Santos, afirmou que qualquer decisão sobre o novo contrato do filho só será tomada depois da solução do imbróglio judicial que envolve ele, o jogador e o clube desde a sua contratação em 2013. Em entrevista ao jornal “Sport”, de Barcelona, o pai de Neymar declarou: “Temos três anos de contrato. Nós, ou seja, minha família, estamos sofrendo uma insegurança tributária muito grande que afeta o planejamento da carreira (de Neymar)...” CONFIRA
A “crise” que o Brasil precisa: O crescimento da China freou um décimo no terceiro trimestre do ano e a segunda maior economia do mundo cresceu 6,9% em comparação com o mesmo período de 2014, informou nesta segunda-feira (19) o Escritório Nacional de Estatísticas. As autoridades chinesas atribuíram este rebaixamento no crescimento às "crescentes pressões de baixa" que enfrenta internamente o gigante asiático e a uma recuperação da economia global "mais frágil do que a esperada". CONFIRA
Sem crise! - Os US$ 59,7 mil que Cláudia Cruz, mulher do notório Eduardo Cunha, gastou com seu cartão de crédito abastecido por contas na Suíça para pagar uma das mais famosas academias de tênis dos EUA não eram para ela aprender o esporte. Destinavam-se a pagar as aulas de Felipe, filho do encrencado casal. Lauro Jardim/O Globo è Ahhhhhh!...bem melhor. 

Aliás... A cavalaria do Banco do Brasil pode salvar as usinas nucleares de Angra I e de Angra II de um apagão. É que, até as 23h59m do próximo dia 30, a Eletronuclear tem que arranjar um grupo segurador para assumir as unidades. Caso contrário - está em lei - sem seguro, não poderão funcionar. R$ 1 bilhão... Quem segurava (com apólice de cerca de R$ 1 bilhão) era o Bradesco. Mas o banco desistiu de renovar, embora tenha topado esticar o contrato por mais quatro meses até que a Eletronuclear arranjasse um sucessor. Houve várias conversas com outros seguradores. Mas, no fim, ninguém topou.  Restou, aos 45 minutos do segundo tempo, apelar para o BB. Ancelmo Gois/O Globo
... e pra desespero: Em alta com o lançamento de seu novo disco, e seus novos videoclipes, a cantora Anitta acabou perdendo a vez para uma concorrente. Será da funkeira Ludmilla o lugar de destaque no especial de fim de ano de Roberto Carlos na Globo, que vai ao ar em dezembro. A emissora chegou a conversar com Anitta, mas ela já havia participado do especial do cantor em 2013, e está atualmente com sua agenda lotada. Foi aí que a funkeira da vez, Ludmilla, ganhou espaço e vai cantar um de seus sucessos com Roberto Carlos. CONFIRAè Só mudou a mosca. Cá pra nós, já reparou que tudo que tem dois “L” tende a não prestar? Essa moda começou com Collor de Mello. 

O custo de uma presidente em crise

R$ 390 milhões foi a despesa no ano passado com assessoria e serviços prestados à presidente Dilma Rousseff nos palácios onde trabalha, reside e durante viagens. R$302,7 milhões foi o gasto governamental com festas e homenagens no primeiro mandato de Dilma.
üDilma já custa para os brasileiros praticamente o dobro do que a rainha Elizabeth II e a família real para os súditos britânicos. A monarquia consumiu em 2014 o equivalente R$ 196,3 milhões.
üO custeio do gabinete de Dilma equivale a 60% do escritório de Barack Obama. O presidente dos Estados Unidos gastou R$ 648 milhões com assessoria, serviços na Casa Branca e na residência oficial - jornal O Globo domingo (18) 

O trabalho é em sala confortável na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, com ar condicionado, serviço de copa completo, carro, motorista, combustível e moradia grátis. O cargo é de chefia, com salário de R$ 21 mil. Somadas as gratificações, vai a R$ 77 mil mensais. Tem ainda uma renda variável, um bônus anual — o último foi de R$ 46,4 mil. Detalhe: a rotina impõe o uso de terno e gravata. Infelizmente, não há vagas disponíveis em ministérios como o das Minas e Energia. Os cargos "de natureza especial" — no jargão burocrático — e com essa remuneração são privilégio do pessoal com vínculos políticos e, também, daqueles que as empresas estatais do setor elétrico enviam a Brasília... José Casado/Blog do Moreno/O Globo - CONFIRA

segunda-feira, 19 de outubro de 2015

Te perdoo por fazeres mil perguntas, que povo que anda junto nunca faz

"Acho que ela [Dilma] vai determinar a liberação de crédito com responsabilidade... Se o Levy não quiser seguir a orientação da presidente, deve ser substituído." Rui Falcão, presidente do PT, em entrevista a Folha neste fim de semana.

Ataque especulativo” - O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, disse a interlocutores que pretende deixar o cargo no fim do ano, caso o "fogo amigo" contra ele continue no governo e no PT. Levy está muito irritado com as críticas que vem sofrendo por parte do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do partido e, em conversas reservadas, avalia que enfrenta uma espécie de "ataque especulativo", o que prejudica até mesmo a aprovação do ajuste fiscal pelo Congresso. CONFIRA
Batendo de frente - A presidente Dilma Rousseff afirmou neste domingo (18) que o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, fica no cargo e disse discordar do discurso do presidente do PT, Rui Falcão, sobre uma possível saída dele do governo."Eu acho que o presidente do PT pode ter a opinião que quiser, mas não é a opinião do governo. A gente respeita a opinião do presidente do PT, mas isso não significa que seja a opinião do governo", afirmou a presidente, em entrevista coletiva em Estocolmo, na Suécia. CONFIRA

A ponta do iceberg - Investigadas sob a suspeita de que pagaram propina para conseguir contratos na Petrobras, na Caixa Econômica Federal e no Ministério da Saúde, as agências de publicidade Borghi Lowe e FCB assinaram sexta (16) um acordo de leniência com os procuradores da Operação Lava Jato. As empresas, que pertencem à multinacional americana Interpublic, confirmaram o esquema de corrupção e concordaram em devolver ao governo R$ 50 milhões referentes ao lucro obtido nos últimos cinco anos com contratos irregulares, segundo apurou a Folha. CONFIRA è Não deveria – pois em bom estado são só 32 – mas, birrento, fico cá com meus parcos neurônios à pensar: Se estes gajos “concordaram” em devolver “R$ 50 milhões referentes ao lucro obtido nos últimos cinco anos com contratos irregulares” imagina o que não existe de  “R$ irregular”, obtidos nos últimos sei lá quantos anos, por esse mundo velho sem porteira! 
E... Como ficam as empresas que financiaram a campanha milionária de Eduardo Cunha para a Câmara? É uma lista de gigantes como Safra Leasing, Banco Santander, Coca-Cola, Bradesco e BTG Pactual. A saída, meio fajuta (com todo o respeito), é dizer que não sabiam. Ancelmo Gois/O Globo

Da série: Mil Perdões*

Te perdoo por rodar exuberante  e me perder de ti... A defesa de José Maria Marin dá como certo que amanhã o ex-presidente da CBF será transferido para os EUA, como resultado de um acordo de delação premiada. Assim, trocará a cela de uma prisão na Suíça pelo seu apartamento no 41º andar do Trump Tower, em Nova York. Lauro Jardim/O Globo
Te perdoo por contares minhas horas... Em jantar com a presidente Dilma Rousseff, na noite desta quinta-feira, 15, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu mudanças na política econômica para sair da crise, defendeu o afrouxamento do ajuste fiscal e voltou a dizer que o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, tem “prazo de validade”. CONFIRA - è Tudo bem, mas a mídia deveria parar de se referir a Lula como “ex”, o cara tá mais “presidente em exercício” que a Dilma. Aliás a presidanta só exercita bem as pedaladas... com trocadilho e tudo.
Te perdoo por quereres me ver aprendendo a mentir... A Petrobrás deve passar por um
enxugamento na sua estrutura do comando, disse nesta quarta-feira o presidente da empresa, Aldemir Bendine, em depoimento à CPI da Petrobrás na Câmara dos Deputados. “Me causou estranheza o fato de haver 50 gerentes executivos que não têm responsabilidade estatutária. Isso contribui para que a tomada de decisões na empresa não seja feita de forma mais conclusiva”, disse. Segundo ele, a proposta de mudança será analisada na próxima reunião do Conselho de Administração. CONFIRA.
Te perdoo por te trair... OAB acaba de instaurar a comissão que vai começar a decidir a posição da Ordem sobre o eventual apoio ou não da Ordem ao impeachment de Dilma Rousseff. Integram o grupo Elton Sadi Fülber (RO); Fernando Santana Rocha (BA); Manoel Caetano Ferreira Filho (PR); Samia Roges Jordy Barbieri (MS) e Setembrino Idwaldo Netto Pelissari (ES). A comissão vai analisar juridicamente se eventualmente houve crime de responsabilidade nas pedaladas no primeiro mandato de Dilma e se isso impacta o atual mandato presidencial. A partir desse entendimento da comissão, o Conselho da Ordem, formado por 81 conselheiros federais, vai decidir sobre o pedido de impeachment. Ancelmo Gois/O Globo - *Colagem dos versos da música “Mil Perdões” de Chico Buarque clica aqui e confere lá

Um cartum “pra chamar de seu”

Laerte/Folha

Cunha sequestrou o governo e a oposição – O Planalto acha que precisa de Eduardo Cunha para segurar o impeachment, e a oposição acha que precisa dele para consegui-lo. Já o doutor acha que o Planalto e meia dúzia de notáveis de Brasília podem livrá-lo dos efeitos da Lava-Jato. É engano...
O governo e a oposição acham que podem fazer acordos com Eduardo Cunha. Deixando-se de la­do o fato que um acerto serviria para derrubar a doutora Dilma e o outro para preservá-la, o que há de mais intrigante nessas operações é que nem Cunha, nem a oposição e, muito menos, o Planal­to, controlam o Ministério Público e a Lava-Jato. Se controlassem, ela já teria acabado há muitos me­ses. Trata-se de um caso de contaminação volun­tária de reputações, algumas até boas. Elio Gaspari/O GloboCONFIRA

O ministro Marco Aurélio Mello, do STF, defende uma forma “não traumática” para o país superar a crise: a “renúncia coletiva” da presidente Dilma Rousseff, do seu vice Michel Temer e do presidente da Câmara, Eduardo Cunha. “Falo isso como cidadão e em uma perspectiva utópica, já que seria algo impensável para os atuais detentores dos poderes”, diz ele. Para o ministro, “o mal maior, a crise econômica,” está sendo deixado “em segundo plano” por “interesses políticos”. CONFIRA