*Não fosse o amanhã, que dia agitado seria o hoje!

terça-feira, 19 de setembro de 2017

Urge fazer um recall das Humanas Criaturas

"Esgotamos quase todas as coisas que podemos fazer no Conselho de Segurança neste momento. Queríamos ser responsáveis e passar por todos os meios diplomáticos para chamar a atenção (da Coreia do Norte) em primeiro lugar. Se não funciona, o general Mattis se encarregará disso" Nikki Haley, embaixadora dos Estados Unidos nas ONU, neste domingo 17 , à rede CNN

   
General Motors (GM) e a Volkswagen convocaram recalls de mais de 7,36 milhões de veículos na China pelo caso dos airbags potencialmente defeituosos da marca japonesa Takata.
Na semana passada, a agência chinesa já havia anunciado que a Volkswagen e seus sócios locais convocarão um total de 4,86 milhões de carros pela mesma falha.
Os airbags serão substituídos de forma gratuita. Especialistas acreditam que 16 mortes estão relacionadas com dispositivos defeituosos em todo o mundo.
O defeito, que a Takata demorou a reconhecer, foi revelado em 2014 e, desde então, várias montadoras foram obrigadas a anunciar uma série de recalls, que afetaram quase 100 milhões de veículos – Confere lá
Enquanto isso... Há mais de três décadas no MPF, Raquel Elias Ferreira Dodge tomou posse na manhã desta segunda-feira (18) no cargo de procuradora-geral da República, na cadeira que foi ocupada nos últimos quatro anos por Rodrigo Janot. Em sua fala de oito minutos na cerimônia de posse, a nova chefe do Ministério Público prometeu defender a democracia, zelar pelo bem comum e meio ambiente e garantir que ninguém esteja "acima da lei".
“Quem apostar que Dodge será leniente, vai errar. Ela é ambiciosa e sabe que tem um nome a zelar. Seria uma frustração ver o contrário”, projeta o ex-ministro da Justiça Eugênio Aragão, contemporâneo de Raquel no MPF. Leia na íntegra
-Tomara Aragão, pois a gente espera que não seja necessário fazer nenhum recal na Dodge. Aliás, após  a posse da Dodge o ministro do STF Luís Roberto Barroso, mandou essa:
"Hoje em dia você já não discute mais, no Brasil, uma posição mais liberal, uma posição mais conservadora, uma posição mais progressista. Você discute se a pessoa é honesta ou não é honesta. Isso tem que ser uma premissa na vida"

Uma petição virtual pedindo o impeachment o ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, já tem quase um milhão de assinaturas em apoio à medida. A justificativa para o impedimento são as diversas decisões polêmicas do magistrado, como a de soltar réus na Operação Lava-Jato.
Até a manhã desta quarta-feira [13], o abaixo-assinado contabiliza 786.410 adesões. Faltam 213.590 para chegar à meta de um milhão estabelecida para entregar o pedido ao Senado.
O impeachment de Gilmar Mendes já foi pedido ao Senado Federal pelo ex-procurador-geral da República Cláudio Fonteles e pelo professor de Direito da Universidade de Brasília (UnB) Marcelo Neves. Junto com outros juristas, eles afirmam que há pelo menos três motivos para Gilmar perder o cargo de ministro do STF. Entre as razões está o fato de ele ter participado de atividade político-partidária. Eles citam ainda o abuso de autoridade por parte de Gilmar e o fato de ele atuar em casos nos quais deveria se declarar impedido - Divulgado pelo site change.org via newsletter 

   
O edifício principal de um templo budista de Xangai de 135 anos — o "pavilhão Mahavira", que pesa quase duas mil toneladas — foi deslocado em 30 metros. A medida foi tomada para proteger o local, evitando o risco de incêndio, relativamente elevado com o grande número de varas de incenso.
O templo do Buda de Jade — que recebe milhares de visitantes por dia — foi colocado sobre trilhos especialmente concebidos para a operação e deslocado lentamente, com o objetivo de abrir mais espaço nas zonas adjacentes. Os operários injetaram cimento nas fundações da edificação para reforçá-lo, antes do deslocamento. A operação terminou no domingo, após duas semanas. Leia na íntegra
-Só perde pra Moisés... aliás e a propósito:
O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, gravou um vídeo destinado a pastores evangélicos no qual pede uma “oração pela economia.” A mensagem, enviada neste sábado, 16, circulou também por grupos de WhatsApp de políticos. O titular da Fazenda afirma na gravação que o País atravessa a maior recessão da sua história. “Preciso da oração de todos”, disse.
Apontado como possível presidenciável em 2018, Meirelles é filiado ao PSD, partido comandado pelo ministro das Comunicações, Gilberto Kassab – Leia na íntegra
-Essa, nem milagre de Móises!

Uma peça publicitária do Metrô Rio instalada na estação Antero de Quental, no Leblon, vem gerando polêmica dentro e fora dos vagões.
Criada para promover a Linha 4, que liga a Zona Norte da cidade à Barra da Tijuca, passando por bairros nobres da Zona Sul, a propaganda mostra dois casais isolados — um formado por negros, outro formado por brancos — com a legenda: “Linha 4, conectando de ponta a ponta”.
Nas redes sociais, choveram críticas à publicidade que, na opinião de internautas, carrega um preconceito subliminar.
“Deixa eu ver se adivinhei: o casal de negros representa a Zona Norte, e o de brancos, a Zona Sul. Lamentável”, escreve a internauta Thalita Santos, no Facebook.
Outra usuária das redes é mais incisiva: “Que vergonha. Infeliz demais essa propaganda claramente racista”, diz Débora Fonseca. Confere lá
-Tá difícil conviver com esse patrulhamento neurótico ideológico.
Como disse o Morgan Freeman: "O dia em que pararmos de nos preocupar com Consciência Negra, Amarela ou Branca e nos preocuparmos com Consciência Humana, o racismo desaparece"
Nota de rodapé: “Patrulha ideológica ou patrulhamento ideológico é uma expressão cunhada pelo cineasta Cacá Diegues, que designa uma organização informal de pessoas unidas por laços ideológicos ou religiosos que tem por objetivo de impor seus ideais a outro grupo de pessoas, munindo-se de discursos, protestos e reivindicações. Essa atividade se caracteriza por uma vigilância constante do público alvo”

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

“Desconfortos” & “Agonias”

Se tiver que haver, haverá!General do Exército Antonio Hamilton Martins Mourão sobre a possibilidade de intervenção militar no País

O general do Exército da ativa Antonio Hamilton Martins Mourão falou por três vezes na possibilidade de intervenção militar diante da crise enfrentada pelo País, caso a situação não seja resolvida pelas próprias instituições. A afirmação foi feita em palestra realizada na noite de sexta-feira, 15, na Loja Maçônica Grande Oriente, em Brasília, após o então procurador-geral da República, Rodrigo Janot, denunciar pela segunda vez o presidente Michel Temer por participação em organização criminosa e obstrução de justiça. Janot deixou o cargo nesta segunda-feira.
"Ou as instituições solucionam o problema político, pela ação do Judiciário, retirando da vida pública esses elementos envolvidos em todos os ilícitos, ou então nós teremos que impor”, afirmou MourãoAssista o vídeo na íntegra .
A atitude do general causou desconforto em Brasília. Oficiais-generais ouvidos pelo jornal "O Estado de S. Paulo" criticaram a afirmação de Mourão, considerada desnecessária neste momento de crise. O comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas, foi enfático e disse que "não há qualquer possibilidade" de intervenção militar – Reportagem do Correio BrazilienseLeia na íntegra

“Nóis era feliz”
A agonia não é só no Brasil. A JBS começa a enfrentar percalços nos Estados Unidos por causa da suspeita de que o ex-procurador Marcello Miller possa ter trabalhado como agente duplo, atuando no acordo para a empresa enquanto estava na Procuradoria-Geral da República.
A suspeita travou as negociações de um acordo com o Departamento de Justiça, segundo a Folha apurou.
O caso da suspeita é considerado extremamente grave pelas autoridades americanas porque Miller era o interlocutor do Ministério Público Federal com os americanos. A partir da revelação da hipótese de que fazia jogo duplo, os americanos colocaram em xeque a negociação.
O acordo é considerado vital para a sobrevivência da JBS por causa das pesadas multas que os americanos impõem a empresas corruptas. A JBS retira do exterior 87% de sua receita de operações. Os EUA, onde tem 56 fábricas e é dona de marcas tradicionais como a Swift, respondem por 51% da receita total Confere lá
E a agonia continua... Além da prisão, Joesley teve que enfrentar a reação da mulher, Ticiana Villas Boas, aos diálogos gravados entre ele e o executivo Ricardo Saud.
O problema até agora foi contornado pela constatação de que um desentendimento definitivo do casal, neste momento, poderia ter consequências emocionais devastadoras para o executivo. Os dois têm um filho, Joesley, de dois anos.
Antes da confusão, Joesley tinha confiança de que conseguiria recuperar a boa imagem, dele e da empresa, e que Ticiane conseguiria voltar a trabalhar. Entre as várias pedras nesse caminho imaginado pelo empresário, no entanto, está também o fato de que ele envolveu uma das filhas de Silvio Santos, patrão de Ticiane no SBT, na delação premiada.
A vida de Ticiane sofreu uma reviravolta tão grande que ela, conhecida e querida do público, não conseguia sair na rua sem algum tipo de disfarce - Monica Bergamo/Folha

   
O presidente Michel Temer chamou neste domingo o ex-presidente José Sarney no Palácio do Jaburu para discutir o cenário político em meio à segunda denúncia de Rodrigo Janot contra o presidente e a cúpula do PMDB, segundo o blog apurou.
A conversa ocorreu após Temer se reunir nos últimos dois dias com aliados e advogados, em São Paulo e em Brasília, para discutir a estratégia jurídica contra a nova denúncia por obstrução de justiça e organização criminosa.
Temer se aconselha com Sarney desde que assumiu a presidência e passou a enfrentar graves crises políticas - Andréia Sadi/O GloboLeia mais
-Temer gosta de viver perigosamente, né não?

A fiscalização de bolsas e volumes na entrada da Cidade do Rock é rigorosa. Um dos coordenadores da empresa de vigilância disse ao G1que desde o inicio do festival as equipes já apreenderam sacolés de vodca( bebidas alcoólicas estão proibidas), drogas dentro de mochilas de crianças e até vibrador.
Também foram recolhidas mais de 35 armas. A maioria, segundo ele, de pessoas que tem porte de arma . Eles são encaminhados para fazer acautelamento.
Quem passa pela fiscalização elogia a iniciativa e até estranha o rigor. Foi o que aconteceu com Tatiana Carneiro, que veio de João Pessoa. Ela não passou com uma lixa de unha e o alcool gel que trazia na mochila. "Ela [vigilante] tirou tudo da minha bolsa. O alcool gel achei muito rigor e não precisava" – Confere lá
-Tudo bem Tatiana, vai que tu resolve beber o alccol gel e... mas apreender um vibrador?
-Que mal poderá causar um vibrador em pleno RockinRio?
-Que prazer oculta um(a) vigilante ao apreender um vibrador?
Atenção: There is no need to respond!

A JBS quer ser presidente do Brasil

   
A notícia da semana é que, Henrique Meirelles, o braço-direito dos irmãos Joesley e Wesley, quer ser presidente da república, pelo PSD, o partido do Kassab.
Não satisfeitos com as vantagens obtidas pela propinaria dos irmãos Batista e a situação caótica a qual lançaram o Brasil, a turma de Lula-J&F, precavendo-se à sua possível inelegibilidade em 2018, escancara a putaria e lança Henrique Meirelles a pré-candidato à presidência da república.
Quem é Henrique Meirelles na fila do pão? Por que sua ascensão presidencial significa a retomada das garras petistas ao poder e aos cofres públicos?
Meirelles foi ministro da fazenda de Lula, período em que o BNDES alterou seu estatuto para que a JBS pudesse sugar seus recursos.
Ao sair do governo Lula, Meirelles foi nomeado presidente da J&F [1], holding controladora da JBS-Friboi, a qual, no mesmo período, sugou recursos do BNDES e financiou a campanha do PT.
A sede por dinheiro é tamanha que essa turma abriu seu próprio banco, o banco Original, idealizado, claro, por Henrique Meirelles.
Desde o principio da propinaria Batista-Petista, Henrique Meirelles esteve no núcleo duro do poder, estando sempre próximo da quadrilha encabeçada por Lula, PT e J&F. Agora, misteriosamente ele quer deixar de ser um coadjuvante e virar o protagonista principal do jogo político.
Qual será o objetivo de Meirelles? Será a de continuar a fazer parte do triunvirato JBS-BNDES-PT?
Esperamos que não, visto que a conexão entre Henrique Meirelles, J&F, Lula e o PT é tão óbvia que chega a ser obscena - Por Lucio Hoffmann/Thais Neves para o site areuniao.com

(1). A JBS, maior frigorífico do mundo, subiu ao maior nível em quase oito meses depois que sua controladora, a J&F Participações SA, ter nomeado o ex- presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, como presidente do seu conselho de administração... Meirelles será o “estrategista” da companhia com sede em São Paulo e também vai montar o conselho de administração com o presidente da holding, Joesley Batista, disse Miguel Bueno, que responde pela comunicação da empresa – site da Exame, em 5 mar 2012Confere lá

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Entre as "cinzas e escuridão" da corrupção

Aonde estamos! Estamos em uma monarquia, ou em uma República? Qual a justificativa para a plebe bancar eternamente seus ex-governantes?Frase do Twitter enviada por Foca Veiga

Rodrigo Janot na sua última semana na chefia do Ministério Público Federal, nesta quinta, 14:
“Tenho sofrido nessa jornada, que não poucas vezes pareceu-me inglória, toda a sorte de ataques. Mesmo antes de começar, sabia exatamente que haveria um custo por enfrentar esse modelo político corrupto e produtor de corrupção, cimentado por anos de impunidade e de descaso... Dei nesse período o meu melhor, fiz aquilo que achei que fosse o melhor para o desenvolvimento da sociedade brasileira, para o desenvolvimento do processo civilizatório do Brasil e espero que assim continue e tenhamos dado um passo a diante no combate a essa corrupção endêmica que vigora no Brasil. Agradeço muito a vocês e agora vou descansar, porque preciso... Os mortos, então, deixai-os aos seus próprios cuidados. As páginas da história hão certamente de contar com a isenção e verdade o lado que cada um escolheu para travar sua batalha pessoal nesse processo” – Leia na íntegra
Gilmar Mendes: No julgamento do pedido de suspeição feito pela defesa de Michel Temer contra Janot, nesta quarta-feira, 13, Mendes esteve ausente. O mandato de Janot frente à PGR termina nesta sexta 15.
Instantes antes da última sessão plenária do Supremo Tribunal Federal durante o mandato de Rodrigo Janot como procurador-geral da República, o ministro Gilmar Mendes usou um trecho de um poema para se referir à despedida de Janot:
"Eu diria em relação ao procurador-geral Janot uma frase de Bocage: Que saiba morrer quem viver não soube" – Leia na íntegra

Pesquisa do Ministério do Trabalho divulgada nesta terça-feira (12) mostra que imigrantes venezuelanos que moram no Brasil estão em trabalhos precários, e que mais da metade (51%) recebe menos que um salário mínimo ao mês. Isso acontece, segundo o levantamento, mesmo entre aqueles que têm boa escolaridade.
A pesquisa foi feita com 650 venezuelanos em Roraima – estado que faz fronteira com o país latino-americano. De acordo com o ministério, cerca de 30 mil vivem no Brasil e esta é a primeira vez que o perfil desses imigrantes é traçado no país.
O estudo aponta que 78% dos entrevistados têm ensino médio completo, e 32% chegaram a concluir algum tipo de formação superior ou pós-graduação. Leia na íntegra
Por falar em “trabalhos precários”: No primeiro trimestre de 2016 o número de trabalhadores que ganham menos de um salário mínimo (R$ 880), chegou a 23,4% da população economicamente ativa (PEA) – confere lá. Ajudar os irmão? Claro mas não podemos esquecer que a Casa está precisando de uma grande faxina, né não?
Aliás e a despropósito: “A coluna foi saber de brasileiros que moram na Flórida o que eles preferem: voltar ao Brasil ou ficar na Flórida e enfrentar as tempestades. A maioria opta por permanecer nos EUA. ‘Comparados com o rastro de destruição do atual furacão brasileiro, os daqui são brisas de baixa intensidade e acabam logo.’ Faz sentido” - Blog da Denise Rothenburg/Correio Braziliense

A defesa de Geddel Vieira Lima alegou risco de “estupro” na Penitenciária da Papuda, local em que o ex-ministro está recolhido desde a semana passada, em Brasília, e pediu que ele volte para o regime de prisão domiciliar em seu apartamento em Salvador.
O requerimento foi negado pela juíza Leila Cury, da Vara de Execuções Penais do Distrito Federal, que ressaltou o fato de os advogados do peemedebista terem supostamente se baseado em informações “inverídicas” e “especulativas” na petição.
A defesa se baseou em matéria publicada no portal “A Folha Brasil”, no dia da prisão do ex-ministro, noticiando que mensagens vazadas por familiares de detentos do Complexo Penitenciário da Papuda dariam conta de “ameaças de estupro” que teriam sido “enviadas aos políticos que estão cumprindo pena ou prisão preventiva” – Confere lá
No mais: O presidente da Venezuela, Nicolas Maduro, lançou um plano para incentivar a população a criar e consumir coelhos como resistência à "guerra econômica" imposta contra o país por "forças imperialistas"... O presidente anunciou a aprovação do "Plano Coelho" na televisão estatal enquanto ressaltava a importância da nutrição com proteína animal:
"Precisamos de uma campanha para que o povo entenda que o coelho não é um mascote, são dois quilos e meio de carne. Muitas pessoas deram nomes para os coelhos, colocaram na cama para dormir. Mas é parte da batalha para ganhar a guerra econômica", destacou Bernal [ministro da Agricultura Urbana], enquanto os ministros do gabinete riam da explicação – Leia na íntegra

   
Uma agência estatal afirmou que a Coreia do Norte ameaçou nesta quinta-feira (14) usar armas nucleares para "afundar" o Japão e reduzir os Estados Unidos a "cinzas e escuridão" por apoiar uma resolução e sanções do Conselho de Segurança da das Nações Unidas (ONU) contra o mais recente teste nuclear do regime norte-coreano, segundo a Reuters.
O Comitê da Coreia para a Paz na Ásia-Pacífico, que lida com os laços externos e propaganda da Coreia do Norte, também pediu pela dissolução do Conselho de Segurança, que chamou de uma "ferramenta do mal" constituída por países "subornados" que avançam sob ordem dos Estados Unidos.
"As quatro ilhas do arquipélago devem ser afundadas no mar por uma bomba nuclear do Juche. O Japão não é mais necessário para existir perto de nós", disse o comunicado agência de notícias norte-coreana. 
O Juche é a ideologia governista da Coreia do Norte que mistura marxismo com uma forma de nacionalismo isolado pregado pelo fundador do Estado, Kim Il Sung, avô do atual líder norte-coreano, Kim Jong Um – Leia mais

Lula manda mensagem a Garotinho - Lula, que já andou muito de mãos dadas com Anthony Garotinho, e já lhe desceu a borduna diversas vezes, quer novamente estar ao lado do ex-governador. Ambos tiveram um dia de cão ontem. E, pelo visto, se abraçam no infortúnio.
Lula mandou uma mensagem de solidariedade à deputada Clarissa Garotinho repudiando a prisão de seu pai, levado pela PF, ontem, durante a transmissão de seu programa de rádio. Diz um trecho da mensagem enviada por Lula: "Quero transmitir a seu pai, o ex-governador Anthony Garotinho, e a toda sua família minha solidariedade diante dos atos arbitrários que o atingem neste momento... tem se tornado cada vez mais frequente a atuação político-partidária de setores do sistema judicial brasileiro... democratas repudiam a banalização desse tipo de abuso" – Confere lá.

“As armas de cada um” por Denise Rothenburg*

  
Pronto. Rodrigo Janot fecha o pano de sua performance no comando da Procuradoria Geral da República com a nova denúncia contra o presidente Michel Temer, anunciada desde junho.
Para reforçar, colocou no balaio os ministros Eliseu Padilha e Moreira Franco. Incluiu ainda os presidiários Geddel Vieira Lima, Eduardo Cunha, Rodrigo Rocha Loures e Henrique Eduardo Alves, além do delator que foi para a cadeia depois da delação (surreal, não é?), Joesley Batista e Ricardo Saud, que tiveram os acordos de delação suspensos pela PGR.
A inclusão de Joesley e Saud nesse grupo é para ver se sensibiliza mais deputados a votarem pela licença para que Temer seja processado no STF. Para completar, vêm fatos desde 2006, ainda no governo do presidente Lula, no pós-mensalão, quando essa parcela do PMDB se aproximou do PT.

O Planalto, por sua vez, tenta há meses se preparar para apresentação dessa denúncia da mesma forma que as autoridades da Flórida se organizaram para receber o furacão Irma. Já sabiam que viria.
Não previram, porém, o roteiro, por exemplo, a inclusão de Joesley e Ricardo Saud entre os denunciados, tampouco com fatos anteriores ao governo do presidente Michel Temer.
Aliás, o fato de citar episódios antigos, é visto no Planalto como algo que pode ajudar Temer, porque o presidente só pode responder por ações dentro do mandato.
Da parte dos congressistas, a ordem é votar essa denúncia até meados de outubro. Vem por aí, a segunda edição do discurso da perseguição do procurador ao presidente e também da melhora na economia. A avaliação inicial é a de que, se Temer venceu a primeira, com todo o impacto que houve à época, essa será mais fácil. Falta combinar com a base.
*Denise Rothenburg escreve para o Correio Braziliense

quinta-feira, 14 de setembro de 2017

O circo Brasil

A chamada Operação Lava-Jato, todos os processo que se referem a matéria penal não vão parar porque muda um ou outro por uma ou outra causa, com extinção de mandato, ou suspeição ou impedimento. O processo penal e a busca de apuração de erros praticados no espaço público, como se tem no espaço privado, não vai parar. Há instituições sólidas hoje no Brasil e o Ministério Público é uma delas. O Supremo Tribunal Federal não permitirá que a mudança de nome altere os rumos, porque as instituições são mais importantes do que as pessoas evidentementeministra Cármen Lúcia, ontem, na seção do STF que julgou o pedido de impedimento de Janot para atuar nos processos que denunciam Temer

-Pela primeira vez em 27 anos me defronto com o pedido de o Supremo obstaculizar a oferta de uma denúncia pelo MP. A meu ver isso é grave. Porque quebra o sistema – o sistema não só legal, mas constitucional - Marco Aurélio sobre a iniciativa da defesa de Temer para sobre as denuncias de Janot
-Eu vi o Palocci mentir aqui essa semana... Você vai dizer tal coisa, os lides [no jornalismo, a primeira parte de uma notícia] são esses, preparam alguns lides para dizer e o Palocci, se não fosse um ser humano, ele seria um simulador. O Palocci é tão esperto que ele é capaz de simular uma mentira mais verdadeira que a verdade. Ele é médico, é calculista, é frio. Nada é verdadeiro. A única coisa que tem verdade ali é ele dizer que está fazendo a delação porque ele quer os benefícios da delação ou quem sabe um pouco do dinheiro dele que vocês bloquearam” - Lula em depoimento na Justiça Federal de Curitiba nesta quarta-feira (13).
-Enquanto o Palocci mantinha o silêncio, ele era inteligente e virtuoso. Depois que resolveu falar a verdade, passou a ser tido como calculista e dissimulado. Dissimulado é ele [Lula], que nega tudo o que lhe contraria e teve a pachorra de dizer que se encontrava raramente com o Palocci a cada 8 meses" - advogado Antonio Bretas, responsável pela defesa de Palocci revidando as acusações de Lula
-A defesa do ex-governador Anthony Garotinho repudia os motivos apresentados para a prisão do ex-governador e entende que a decisão de mantê-lo preso em casa, em Campos, tem a intenção de privá-lo de seu trabalho na Rádio Tupi e em seus canais digitais e, com isso, evitar que ele continue denunciando políticos criminosos importantes, alguns deles que já foram até presos...a prisão domiciliar, além de não ter base legal, causa danos à sua família já que o impede de exercer sua profissão de radialista e sustentar sua família” - advogado de Garotinho sobre sua prisão nesta quarta-feira (13)

Petrobras deverá gastar R$ 12,8 bilhões ao longo de 18 anos para equacionar o déficit do Petros, fundo de pensão da empresa, informou a estatal em comunicado nesta terça-feira (12). Apenas no primeiro ano, o desembolso previsto para a empresa será de R$ 1,4 bilhão.
Os fundos de pensão são entidades que administram a aposentadoria complementar dos trabalhadores. O Petros é o fundo dos trabalhadores da Petrobras.
Além da Petrobras, os aposentados e funcionários da empresa também terão que pagar uma taxa extra para cobrir o rombo do fundo de pensão.
O início da implementação do programa, aprovado nesta terça-feira pelo Conselho da Fundação Petrobras de Seguridade Social (Petros), está previsto para dezembro de 2017 - Leia mais
E por falar em previdência: Estudos realizados pelo Tribunal de Contas da União mostram que o rombo da Previdência é muito mais alarmante do que admitem políticos e corporações de servidores: custa ao contribuinte R$16 mil por segundo, R$981,5 mil por minuto, R$58,9 milhões por hora, R$1,4 bilhão por dia. De segunda a segunda. A cada 14 horas, a previdência consome mais que o PSG pagou pela compra do craque Neymar.
Mesmo que todas as dívidas previdenciárias fossem quitadas pelas empresas devedoras, o rombo continuaria a aumentar. O TCU estima dívida de R$426 bilhões de empresas. Grandes dívidas, como das falidas Varig e Transbrasil, são de recebimento impossível.
Os débitos cuja cobrança é mais factível somam R$10 bilhões. E cobririam apenas quatro dias de custos da previdência, diz o TCU – Claudio Humberto/Diário do Poder
-Para evitar o caos nas Humanas Previdências talvez somente a Providência Divina possa dar uma mãozinha – reparem que eu disse “talvez”, com todo o respeito a Divindade.

Acordo entre parlamentares e equipe econômica sobre a medida provisória (MP) que cria o novo Refis, programa de parcelamento tributário de devedores da União, estabeleceu em 70% o desconto máximo que as empresas terão nas multas, informou nesta terça-feira, 12, o líder do governo no Congresso Nacional, deputado André Moura (PSC-SE).
O desconto máximo de 70% será para quem pagar à vista o valor remanescente, após a entrada. Para aqueles que optarem pelo parcelamento, o acordo prevê descontos menores: de 50%, quando parcelarem a dívida em 145 meses e 25%, em 175 meses. No texto inicial da MP, os descontos no parcelamento eram de 40% nos dois prazos – Confere lá
É como disse Thais Heredia‏ pelo Twitter: “Pede pro seu gerente te dar 70% desconto no cheque especial! vamo vê o q ele diz...”
(1). Pra quem não está ligando a imagem à pessoa este é Frank Underwood atual presidente dos EEUU na serie House of Cards exibida pela Netflix.

O ministro Antonio Imbassahy (Secretaria de Governo) passou por um constrangimento durante solenidade na manhã desta quarta-feira (13), na Câmara dos Deputados.
O vice-presidente da Casa, Fábio Ramalho (PMDB-MG), se recusou a cumprimentá-lo e o chamou de "bosta" e "merda" na frente de todas as outras autoridades.
Estavam presentes, entre outros, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).
O desentendimento começou quando os políticos presentes se preparavam para começar a solenidade em qua a Câmara formalizou compromisso de repassar aos cofres do Tesouro Nacional R$ 221 milhões arrecadados com a venda da administração da folha de pagamento da Casa.
"Você é um bosta, um merda", repetiu algumas vezes Ramalho após recusar o cumprimento do ministro de Temer. Após a solenidade, o deputado disse à Folhaque Imbassahy "não respeita deputado" – Leia mais
Me perdoe o nobre deputado Fábio Ramalho, mas se fossemos enquadrar todos aqueles que não respeitam deputado no quesito “Você é um bosta, um merda" o Brasil seria uma imensa latrina a céu aberto.

quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Tá difícil digerir

Hay que vomitarse, pero sin perder la ternura jamásFoca Veiga especial para o Q&M

Polícia Federal prendeu na manhã desta quarta (13) um dos donos da J&F/JBS, Wesley Batista, em São Paulo. A ordem de prisão foi expedida pela 6ª Vara Federal Criminal de São Paulo.
O ex-presidente Lula da Silva será interrogado pelo juiz Sérgio Moro, nesta quarta-feira (13).
O STF julga nesta quarta (13) pedido de Temer para que Janot, seja considerado suspeito para atuar em casos contra ele.
Lúcio Bolonha Funaro, em delação já homologada pelo ministro Edson Fachin, afirmou que  Temer sempre soube dos pagamentos de propina e se beneficiou do esquema no contrato de Angra 3.
O deputado Carlos Marun (PMDB-MS) foi escolhido para ser o relator CPMI criada para investigar irregularidades envolvendo o grupo JBS operações com o BNDES
Palocci disse que Lula fechou um “pacto de sangue” com Emílio Odebrecht, dono da empreiteira, no qual receberia dinheiro a fim de custear despesas pessoais e do PT.
Funaro diz que fez “pacto de silêncio”' com Joesley e cita 3 encontros com Temer.
A CGU da Secretaria de Segurança Pública, em operação realizada na terça-feira (12), prendeu no Rio 31 bombeiros acusados de cobrar propina de empresários para liberar alvarás
A Polícia Federal levou 14 horas para contar os mais de R$ 51 milhões encontrados no “bunker” de Geddel Vieira Lima
Rocha Loures - ex-assessor do presidente Temer - foi filmado pela PF saindo apressado de uma pizzaria carregando uma mala preta com R$ 500 mil em dinheiro vivo
-socorro!
"Nóis foi Preso"
José Simão/Folha

Cartum do Miguel/blog do Noblat/O Globo

“Lula, o Maluf da esquerda” por Hélio Schwartsman

A confissão de Antonio Palocci acaba com Lula? Bem, acho que dá para dizer que ela não ajuda o ex-presidente, mas me parece precipitado afirmar que encerre a carreira política do líder petista, que já conseguiu livrar-se de situações que pareciam impossíveis.
O primeiro ponto a considerar é que a bomba lançada por Palocci ainda está no terreno das declarações. O que ele diz tem peso por vir de quem vem, mas não chega a ser um "batom na cueca" como o vídeo de Rocha Loures com a mala de dinheiro.
Mais importante, a narrativa que Lula vinha usando para explicar seu envolvimento na Lava Jato —"tudo não passa de perseguição política promovida pelas elites que não querem ver a vida dos pobres melhorar"— pode, sem grandes malabarismos, acomodar a transformação de Palocci: depois de sofrer meses de "tortura psicológica" ao ser mantido injustamente na cadeia, ele desabou e agora acusa o ex-presidente apenas para deixar o cárcere.

Isso basta para que os petistas convictos, determinados a absolver o ex-presidente de qualquer pecado, continuem a crer na inocência de seu líder. A ideologia não precisa de mais do que um fiapinho de verossimilhança para nele agarrar-se até o fim.
A questão é que nem todo o mundo é igualmente ideológico. O grau com que as pessoas se prendem ao discurso de partidos (e religiões) segue uma distribuição normal, sendo que só uma minoria se mostra invulnerável a evidências empíricas contrárias a suas inclinações.
A multiplicação dos delatores que entregam o ex-presidente e das situações que ele próprio não consegue explicar a contento, um processo que teve início em 2005, tende a tornar Lula cada vez mais dependente de uma militância ideológica —exatamente o contrário da guinada para o centro que o elegeu em 2003. Minha impressão é que ele vai se transformando numa espécie de Maluf da esquerda – Confere lá

terça-feira, 12 de setembro de 2017

Hipocrisias

Recentes escândalos de corrupção, incluindo sérias alegações com altos funcionários do Brasil e de Honduras, mostram como a corrupção está profundamente enraizada em todos os níveis de governo em muitos países das Américas, muitas vezes ligados ao crime organizado e tráfico de drogas. Isso mina as instituições democráticas e promove uma erosão da confiança pública... destapar, processar a corrupção em todos os níveis de governo é um passo essencial para garantir respeito pelos direitos dos povos, incluindo a JustiçaZeid Al Hussein, representante da ONU para Direitos Humanos

Hipocrisia no atacado - Em um momento de descontração no último sábado, o primeiro-ministro australiano, Malcolm Turnbull, compartilhou uma foto em que aparece beijando o topo da cabeça da neta enquanto assistia a uma partida da final do campeonato de futebol Australian Rules em Sydney.
Por também segurar um copo de cerveja, muitos internautas o criticaram, como se não estivesse tomando conta direito da criança e estivesse sendo irresponsável. A imagem acabou viralizando e logo apareceram comentários defendendo a atitude do governante – Leia na íntegra
Hipocrisia globalizada - As farmácias estavam prosperando com a venda de maconha. Depois que o Uruguai se tornou o primeiro país do mundo a legalizar completamente a venda de maconha para o uso recreativo, em julho, algumas das farmácias tiveram dificuldade para acompanhar a demanda.
Então chegaram as austeras cartas dos bancos americanos... que podem acabar com uma parte essencial do novo mercado de maconha do país.
Os bancos dos EUA, incluindo o Bank of America, disseram que interromperiam os negócios com os bancos uruguaios que prestassem serviço a essas vendas controladas pelo estado. Com medo de perder o acesso ao sistema bancário americano, os bancos uruguaios alertaram algumas das farmácias no mês passado que suas contas seriam fechadas, potencialmente indicando um impasse internacional mais amplo conforme outros países, como o Canadá, se preparam para legalizar a maconha – Leia na íntegra
Hipocrisia no varejo - A doleira Nelma Kodama, ex-amante do doleiro Alberto Youssef e primeira pessoa presa na Operação Lava Jato, já acionou seus advogados para pedir participação nos lucros do filme"Polícia Federal - A Lei É para Todos" pelo uso de sua imagem. Caso ganhe, ela pretende doar o dinheiro para a creche Casa da Criança Higino Penasso, em Canarana, no Mato Grosso, que leva o nome do seu avô.
A produção do filme afirma que ainda não foi notificada sobre a pretensão e diz que preparou "orçamento e advogados" para possíveis ações na Justiça - Mônica Bergamo/Folha

O polêmico livro “Regretting motherho”, da socióloga israelense Orna Donath, já tem data para ser lançado no Brasil. “Mães arrependidas” sairá em outubro pela Civilização Brasileira. Donath entrevistou 23 mulheres que, apesar do amor pelos filhos, contaram que, se pudessem voltar atrás, não escolheriam viver a experiência da maternidade. Os depoimentos são fortes e trazem à tona sentimentos que costumam causar desconforto. A autora questiona, por exemplo, a existência do instinto materno - Maria Fortuna coluna Gente boa/O Globo
Aliás e a propósito: Nada de pessoal. Ao bater o desespero, cada um que tente salvar-se mesmo que à custa de entregar a própria mãe, quanto mais um amigo de fé, companheiro, camarada.
Palocci entregou Lula, seu ex-chefe de governo e de gang, em troca de menos anos de cadeia e de preservar parte da fortuna que amealhou por meios nefastos. Lula está furioso? Paciência.
É do jogo. Embora para ele o jogo tenha terminado” - da crônica “O jogo” por Ricardo Noblat/O GloboLeia mais

O clube do choro da República ganhou mais um sócio - o empresário Joesley Natista, dono do Grupo JBS, preso, ontem, por decisão do ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal.
Ao ser trancafiado na cela da carceragem da Polícia Federal em São Paulo, ele chorou como um bebê. É o Geddel do momento. O ex-ministro de Temer chorou ao ser preso em Salvador e chorou outra vez à sua chegada à Penitenciária da Papuda, em Brasília.
Outros ilustres sócios do clube: Temer e Rodrigo Maia. Temer chorou na China ao saber que os benefícios da delação de Joesley poderiam ser suspensos, como fora. Maia, ao assinar o decreto que socorre com verbas o Rio de Janeiro quebrado – Confere lá

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Em tempos de furacão

"Chova, troveje ou relampeje, nós vamos obter a paz econômica, a prosperidade e a estabilidade dos preços. Quero fazer isso de um jeito bom, mas se tiver que ser do ruim, me tornando um ditador para garantir os preços ao povo, eu vou fazê-lo" presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, na sexta 8

O leilão de aniversário da Ferrari, realizado neste sábado (9) em Maranello, registrou um recorde. Uma LaFerrari Aperta, versão conversível do supercarro híbrido, foi vendida por 8,3 milhões de euros, ou quase R$ 31 milhões na conversão da última sexta-feira (8) Babe na íntegra
-Considerando o valor do Euro, hoje, cotado a R$ 3,72, isso equivale a uns R$ 31 milhões, ou seja, uma meia dúzia de malas do Geddel... e ainda sobraria um troco de uns R$ 20 milhões.
No mais... Desde o final de agosto nas mãos do MPF em Curitiba, o sistema My Web Day, usado pelo setor de propinas da Odebrecht, é uma mina de ouro que tem feito a alegria dos investigadores.
Está tudo ali. Quando a propina era depositada numa conta-corrente, havia os recibos de comprovação, com todos os detalhes. Quando o dinheiro era dado em espécie, o sistema pormenorizava dia, hora e local da entrega. E, claro, quem pegou a mala, incluindo seu apelido - Lauro Jardim/O Globo

José Dirceu, condenado na Operação Lava Jato, diz que prefere "morrer" antes de delatar, como tenta fazer o ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci.
O próprio Dirceu, questionado sobre o depoimento em que Palocci envolve Lula diretamente com o recolhimento de propinas para o PT, respondeu a interlocutores: "Só luta por uma causa quem tem valor. Os que brigam por interesse têm preço. Não que não me custe dor, sofrimento, medo e às vezes pânico. Mas prefiro morrer que rastejar e perder a dignidade".
O depoimento do ex-ministro da Fazenda ao juiz Sergio Moro levou a uma comparação entre o comportamento dele e de condenados como Dirceu e João Vaccari, ex-tesoureiro do PT.
Os dois suportariam tudo em nome de uma "causa". Já Palocci jamais teria tido qualquer compromisso com ela - Mônica Bergamo/Folha
-Achei nobre a fala do Zé, principalmente no trecho: “Mas prefiro morrer que rastejar e perder a dignidade.” Mas como - segundo o “Aurélio” - dignidade é = “autoridade moral; honestidade, honra, respeitabilidade, autoridade; pessoa de alta dignidade; decência; decoro...”. só resta mesmo ao Zé a primeira opção ou seja: vazar-se. O que não é uma má ideia.

Charge do Amarildo/O Globo
A prisão de Joesley Batista e de seu assessor Ricardo Saud é o desfecho natural de uma aventura de empresários que se aproveitaram do sistema capitalista selvagem e corrupto que estava instalado no país à medida que os governos petistas, secundados pelo PMDB, institucionalizaram a propina como instrumento de decisões governamentais.
Embora seja reconhecido que o PT não inventou a corrupção na política brasileira, ele se aproveitou dela para montar um projeto de governo que fosse eterno enquanto durasse, e que durasse o máximo que fosse possível alcançar. O Estado brasileiro estava entregue a grupos corporativos e a empresas como a J&F e a Odebrecht que estivessem dispostas a jogar o jogo da maneira estabelecida pelos novos donos do poder - Do artigo “O fim que está próximo” de Merval Pereira/O Globo Leia na íntegra

Coreia do Norte advertiu nesta segunda-feira (11, horário local) aos Estados Unidos que lhe infligirá "o maior dos sofrimentos" se Washington prosseguir exortando a ONU a endurecer suas sanções contra Pyongyang após seu sexto teste nuclear.
Em comunicado reproduzido pela agência oficial KCNA, o ministério norte-coreano das Relações Exteriores adverte que se Washington "aplicar esta resolução ilegal sobre um endurecimento das sanções, a Coreia do Norte garantirá que os Estados Unidos paguem o preço".
"As medidas que adotarão vão causar aos Estados Unidos o maior dos sofrimentos e dores de toda a sua história... O mundo será testemunha de como a Coreia do Norte dobra os gângsteres americanos lançando uma série de ações mais duras do que se possa imaginar", conclui o comunicado - Confere lá.

“Só a conversa de bêbado salva o Brasil” por Xico Sá

O Joesley falou para não levar em conta sua conversa com o caro amigo Ricardinho. Conversa de bêbado, disse o açougueiro viciado em comprar arrobas de autoridades no pasto seco de Brasília. Como não levar a sério uma prosa bêbada, colega, seria o mesmo que jogar fora toda a sabedoria de Freud sobre o inconsciente e seus labirintos. Um bêbado com direito às benesses da delação premiada, então, nem se fala. Tem mais crédito ainda no mercado.[...].

Porque só conversa de embriagado merece crédito neste momento do país. Na frente do juiz, sai tudo muito ensaiadinho, nem sempre beira a verdade, o cara só pensa em se livrar do frio xilindró de Curitiba. Com ajuda do álcool, a narrativa faz mais sentido... O certo é que a realidade não passa de uma ilusão provocada pela falta de bebida. Daí a importância de embebedar todos os nossos destemidos delatores.[...].

Atesto e dou fé a toda e qualquer conversa de bêbado. Meu fígado que o diga; minha consciência depois que me repreenda. É do jogo freudiano. Dos sumérios, amantes da cerveja, até hoje... Não dá para confiar, meritíssimo, é na ressaca moral. Seja a ressaca de uma grande roubalheira, como parece o caso do mocó do Geddel, seja uma rebordosa de Veuve Clicquot ou de Jurubeba Leão do Norte - na ressaca, e somente na ressaca extrema, não há luta de classes. Tampouco existe a mínima verdade. Um(a) ressacado(a) é antes de tudo um temente a Deus e às autoridades terrenas, se faz de bonzinho e arrependido, quem nunca?

Na propina política e nos negócios em geral, públicos ou privados, a conversa bêbada tem sempre a sua importância histórica. Vale por uma denúncia de procurador-geral da República. No amor, porém, embora descambe em desabafos épicos na madruga, damos um certo desconto, pode ser apenas um ajuste mental para mais e melhores transas futuras. Leia na íntegra

sábado, 9 de setembro de 2017

Furacões à brasileira

"É difícil combater o pacto oligárquico entre políticos, empresários e burocratas... A corrupção no Brasil envolvendo Petrobras e BNDES foi quase um plano de governo"Luís Roberto Barroso, ministro do STF, em palestra no Brazil Institute no Wilson Center em Washington, nesta sexta-feira, 8

As falas de Joesley o denigrem não só pela corrupção, mas pela ignorância e prepotência. Não dá para aceitar a desculpa de que só teve uma “conversa de bêbado” com o executivo Ricardo Saud. Bêbados podem ser inofensivos, ele não. “Nós vamos ser a tampa do caixão.” “Eles são espertão”, disse, referindo-se ao Ministério Público. “Ô Ricardo, nós somos a joia da coroa deles [dos procuradores].” “Nós vai ser quem vai dar o último tiro.” Esse foi o cara recebido por Temer fora do expediente e da agenda. “Nós vai ser quem vai bater o prego [do caixão].”...
Talvez agora o Brasil comece a ficar interessante e tenha chance de sair recuperado das ruínas, num esforço de reconstrução moral. A degradação é épica. Temos a oportunidade, com tudo às vistas, as entranhas escancaradas, mortos e feridos, de refazer uma nação em que não sejamos ludibriados por PT, PMDB, PSDB e outros menos cotados.
Confesso sentir náusea ao escutar a podridão de nossos políticos e empresários. Mas, ao contrário da presidente do STF, Cármen Lúcia, que desejou a todos um “ótimo fim de semana”, sem “novidades maiores no país”, eu desejo mais e mais novidades. Das ruínas expostas, pode nascer um país sem bandidos no comando. É a única esperança que nos resta. Trechos da crônica “Os furacões Joesley, Geddel e Palocci” por  Ruth de Aquino/ÉpocaLeia na íntegra

O projeto de mudança no cálculo do IPTU foi aprovado na última semana na Câmara de Vereadores do Rio de Janeiro. Segundo o plano, o imposto cobrado sobre alguns imóveis pode até dobrar. O presidente do Secovi-Rio, que representa mais de 35 mil condomínios na cidade e conta com a participação de mais de 6,1 mil administradores de imóveis, criticou a falta de transparência do projeto, que passa a valer no ano que vem.
Faltou uma maior discussão com a sociedade e transparência. O projeto foi apresentado no final de julho, sem que ninguém conhecesse, sob a motivação de que a planta de valores estava desatualizada e foi encaminhado um anexo de 500 páginas. Era impossível examinar isso em um curto tempo... É um aumento absurdo, em uma época difícil, de economia desaquecida, em uma crise de desemprego e com a população endividada. E vai piorar. É uma verdadeira violência que cometeram contra as finanças da população do Rio de Janeiro”, afirmou destacou Pedro Wahmann, presidente da Secovi – Leia na íntegra

O ex-ministro dos governos Lula, Dilma e Temer, Geddel Vieira Lima, publicou um vídeo no qual, visivelmente emocionado, agradece à Polícia Federal por ter encontrado malas e caixas com dinheiro em um suposto “bunker” de sua propriedade.
Segundo Geddel: “Eu já estava há meses com as contas todas atrasadas, porque não lembrava onde havia guardado esse dinheiro, que economizei durante toda uma vida de trabalho duro... Agradeço de todo coração à Polícia Federal por ter encontrado o dinheiro”
Aliás: Após a descoberta de inúmeras malas de dinheiro no bunker de Geddel Vieira Lima, um projeto de lei promete acabar de uma vez por todas com a corrupção no Brasil.
“Recentemente vimos que os corruptos costumam guardar dinheiro em malas, então se proibirmos malas no país, estaremos dando um golpe firme na corrupção e no crime organizado”, declarou o parlamentar [autor do projeto] – Posts de Joselito Muller no site areuniao.com